O que esperar da medicina do futuro?

O que esperar da medicina do futuro?

A medicina é uma área muito ampla do conhecimento. Todos os anos, são descobertas novas doenças e novas possibilidades de cura. Aqui, você fica por dentro de tudo que acontece.

Os avanços técnicos, assim como os avanços de descoberta, são essenciais para o futuro da medicina. É por meio deles que os profissionais poderão tratar dos sintomas e de agravantes na condição do paciente.

Existem até robôs que fazem o trabalho pesado em algumas cirurgias. Com essa técnica, a precisão melhorou muito para procedimentos perigosos.

Vamos entender melhor quais são as inovações para o futuro da medicina.

Aqui, você ainda saberá quais os impactos que essas mudanças podem causar na vida dos pacientes. Confira a seguir.

 

» Monitoramento dos pacientes

Muitos médicos cometem erros no diagnóstico. Apesar de essa ser uma situação complicada, é a realidade. Erros acontecem e podem ter consequências fatais.

É por causa disso que o futuro da medicina usará aplicativos no monitoramento da condição do paciente. Assim, conseguimos saber se o tratamento está funcionando. Consequentemente, descobriremos se o diagnóstico dado está correto.

Esses aplicativos ainda poderão fazer associações entre os sintomas e as possibilidades de doença. É uma forma mais simples de emitir um diagnóstico.

Porém, essa atuação não exclui a atividade do médico. Apenas um profissional qualificado pode analisar sintomas mais profundos e dar soluções criativas para complicações na saúde do paciente.

 

» Administração de medicamentos

Muitas pessoas não gostam de ingerir comprimidos ou têm medo de agulhas. Há, ainda, casos em que os medicamentos são fontes de graves efeitos colaterais. Efeitos e alergias podem ser difíceis de tratar e trazem complicações à condição do paciente.

Para evitar todo esse quadro, a medicina do futuro terá uma nova maneira de administrar medicamentos: por meio de chips. Esses dispositivos podem ser ingeridos ou colocados debaixo da pele para produção do efeito desejado.

Com o uso dessa técnica, os profissionais poderão fazer um tratamento mais controlado. Além disso, monitorar efeitos da medicação se tornará mais simples.

 

» Cirurgias inteligentes

Os equipamentos cirúrgicos estão entre os elementos que mais se transformam. Tudo é feito para que a intervenção gere o mínimo de consequências no corpo e na aparência do paciente.

Esse é um dos campos de atuação das tecnologias do futuro da medicina. Já temos, por exemplo, o desenvolvimento de um bisturi inteligente. Ele é capaz de dar um diagnóstico em contato com a pele.

Dessa maneira, identificar um tecido contaminado com câncer se torna uma atividade facilitada. A retirada do tumor pode ser mais precisa, sem lesionar outros tecidos adjacentes no processo.

Uma das vantagens dessa tecnologia está relacionada à rapidez. O diagnóstico é dado em segundos. É assim que o bisturi inteligente se torna um método seguro de utilização durante cirurgias, que precisam de agilidade.

A produção de um bisturi inteligente é só o começo de um futuro de inovações. É provável que todos os equipamentos cirúrgicos sofram implementações do tipo, para que o procedimento se torne mais seguro.

 

» Recuperação de sentidos

Pacientes com cegueira ou perdas auditivas já podem se beneficiar da tecnologia. Antigamente, essa possibilidade era impensável. Agora, o tratamento de perdas de sentidos já está mais avançado.

Em um futuro próximo, é esperado que existam máquinas com capacidades extraordinárias. Elas serão usadas para imitar a audição perfeita em pacientes com deficiências.

Da mesma maneira, médicos poderão recuperar a visão de pacientes cegos e colocar membros postiços em vítimas de traumas físicos. Isso aumentará a quantidade de pessoas com implantes tecnológicos em seus corpos.

É provável que essa seja uma tendência no futuro. Cada vez mais pessoas estão abertas ao tratamento com dispositivos. Essa tecnologia será usada mesmo com quem não possui complicações médicas, para melhorar suas condições de vida.

 

» Inovações na radiologia

Essa é uma das áreas mais tecnológicas de um hospital. No futuro, o enfoque é no desenvolvimento de máquinas mais habilidosas. Com o uso desses produtos, o paciente poderá se recuperar com mais facilidade.

Uma das máquinas mais populares, na qual todos estão apostando para o futuro, é multifuncional. Ela será usada no diagnóstico de diferentes doenças e sintomas agravantes. Basta que o paciente entre em contato com o dispositivo.

É esperado, ainda, que as imagens de radiologia melhorem ainda mais. Essa melhora tem sido contínua ao longo dos anos, e não vai parar por aqui. Já podemos aguardar por novos detalhes nas imagens e novas possibilidades de alcance.

 

» Nanorobôs para monitoramento interno

O fim dos exames de sangue pode estar próximo. É esperado que, no futuro, uma nova tecnologia de nanorobôs seja colocada no mercado.

Esses pequenos dispositivos circularão pelo nosso sangue para monitorar as condições de saúde. Isso poderá nos dar algum parecer sobre doenças silenciosas, como a diabetes ou a anemia.

É esperado que esses robôs ainda saibam dar diagnósticos precisos das condições do paciente. Mais do que isso, eles curarão o desequilíbrio no organismo por meio de simples ações dentro do corpo.

De fato, as ações corretivas são campos completamente inovadores de atuação. Devemos aguardar os avanços tecnológicos para construção de nanorobôs inteligentes.

 

» Robôs cuidadores

Os robôs estão evoluindo rápido em termos de tecnologia. Atualmente, existem robôs que podem desempenhar tarefas simples de cuidado. Além disso, muitos desses dispositivos já conseguem realizar procedimentos rotineiros na clínica médica.

Essa novidade vem para suprir uma demanda por cuidadores profissionais. Enfermeiros e médicos precisam estão ocupados com casos mais severos, enquanto uma parte dos pacientes não recebe o cuidado ideal.

Esse é um quadro muito comum com pacientes idosos, que precisam de mais atenção. A população na terceira idade está crescendo cada vez mais. Em pouco tempo, os robôs serão necessários para atender à demanda.

Em um futuro próximo, é esperado que esses dispositivos consigam fornecer análises aos médicos. Eles serão capazes de ler imagens e interpretar dados simples, para quem a condição de saúde do paciente seja corretamente monitorada.

As alterações na medicina moderna não param por aí. De qualquer forma, tudo é feito para manter o bem-estar e a qualidade de vida no futuro!

 

Gostou deste artigo? Então deixe o seu comentário aqui embaixo e veja outros conteúdos que provavelmente você irá gostar!

Conteúdos relevantes

Deixe um comentário

Dar nossa contribuição para a carreira médica é o melhor jeito de contribuir com a evolução da saúde no país. Junte-se a mais de 35 mil médicos e receba dicas e conteúdo exclusivo.

RECEBA GRÁTIS CONTEÚDOS EM SEU E-MAIL