banner desktop banner mobile

Piso salarial na medicina – Fatos e verdades #10

Piso salarial na medicina – Fatos e verdades #10

Nos conteúdos anteriores, abordamos sobre sabotares de estudos e como eliminá-los. No post de hoje, falaremos sobre piso salarial na medicina.

Se você tem dúvidas sobre o piso salarial na medicina, fique atento no conteúdo que montamos.

Aperte o play e saiba mais!

Primeiramente, os profissionais de medicina não têm um piso salarial. Portanto, não há um salário mínimo determinado.

Entretanto, a Federação Nacional dos Médicos (FENAM), sugere um salário mínimo de 11 mil reais para 20 horas semanais de trabalho.

Mas não confusa. Esse valor é uma sugestão e não uma lei. A verdade é que a realidade salarial se torna outra, bem menor do que o mínimo recomendado pela FENAM, principalmente durante o início da carreira médica.

Mas quanto um médico começa ganhando?

Não tem como definir , de forma exata, o salário inicial de um médico, isso porque vai depender do caminho que ele vai escolher para começar.

Muitos médicos começam atuando como plantonista, outros iniciam em programas como o Mais Médicos, prestar concursos ou atuar como médico residente, que provavelmente, é a sua meta.

Cada uma dessas opções vai trazer remunerações diferentes. Dessa forma, é natural que surjam muitas dúvidas e por isso é muito importante ter em mente que a remuneração não deve ser a úncia coisa a se pesar na hora de escolher qual caminho seguir.

A residência médica, por exemplo, não é obrigatória. Só se você quiser ser especialista em uma área. Para isso você precisa prestar a prova e, depois de aprovado, irá poder atuar como médico residente.

Os cursos de residência são remunerados, mas a renumeração depende da especialidade e do hospital escolhido pelo médico.

No SUS, por exemplo, o salário é de 3 mil reais para o residente, mas ainda assim varia muito de lugar para lugar.

Especialistas x Generalistas

Uma das principais discussões no mercado da medicina é sobre a dúvida sobre especialistas x generalistas.

De forma resumida, o generalista é o médico que atua com o diploma de medicina, sem a especialização. Ele irá realizar os primeiros atendimentos, atuar em plantões e encaminhar os casos específicos para o especialista da área.

Já o médico especialista traz um reconhecimento maior , visto que ele escolheu uma área para dominar e se especializou e, quanto mais especializações o médico tiver na sua área, mais alto o salário será.

Cargos públicos

Para ocupar esses cargos públicos, é necessário ser aprovado em concursos, então é importante se atentar aos editais e datas de provas.

Falando sobre o programa MAIS MÉDICOS, ele tem duração de três anos, e leva os médicos para as áreas mais carentes do país.

A remuneração inicial é de mais ou menos 10 mil reais e o estudante tem alguns benefícios e moradia. Para entrar no programa, o médico também precisar estar atento as publicações dos editais avisando que há novas vagas e também às exigências para médicos com diploma brasileiro e médicos inter cambistas.

Ainda, assim, pode surgir algumas dúvidas, como: “precisa mesmo de um programa que leve os médicos para áreas carentes?”

Sim! Precisa e você irá entender o porquê.

Programas como esse são necessários para suprir a má distribuição, tanto de médicos quanto de programas de residência médica.

Existe uma desigualdade muito grande de acordo com cada região geográfica. As regiões Sudeste-sul do país juntas, são quase 75% de todas as vagas.

Essa má distribuição dos programas influência diretamente na má distribuição dos profissionais teve um crescimento enorme nos últimos anos.

Esse aumento na quantidade de profissionais não traz o benefício que deveria para a sociedade, pois essa massa de médicos se concentra nas áreas mais desenvolvidas.

Todos esses são fatores que influenciam na remuneração dos médicos, principalmente a má distribuição desses profissionais, por isso existem tantas discussões sobre o assunto.

A remuneração é algo que deve ser pensado SIM na hora de iniciar sua carreira, mas não esqueça também que a medicina se trata de humanização.

O médico salva vidas, e é por isso que esse profissional é tão valorizado. Lembre-se: o sucesso, muitas vezes, não se encontra APENAS na conta bancária, mas sim em como o seu trabalho impacta na vida das outras pessoas.

Por isso que aqui no Medcoach buscamos sempre trazer conteúdos para te colocar cada vez mais em contato com o universo médico, seja aqui no nosso blog, no canal no YouTube ou em nossas redes sociais.

Contudo, se precisar de ajuda, pode entrar em contato com a nossa equipe de especialistas, eles estão prontos para te ajudar.

Por fim, um forte abraço, até a próxima. 

Conheça os nossos programas!

Portanto, siga-nos nas redes sociais e receba sempre novidades e dicas super importantes: Facebook, Instagram, Youtube, TwitterLinkedin.

Conteúdos relevantes

Deixe um comentário

Dar nossa contribuição para a carreira médica é o melhor jeito de contribuir com a evolução da saúde no país. Junte-se a mais de 35 mil médicos e receba dicas e conteúdo exclusivo.

RECEBA GRÁTIS CONTEÚDOS EM SEU E-MAIL