banner desktop banner mobile

Estações na prova prática de residência médica

Estações na prova prática de residência médica

Naturalmente, a prova prática de residência médica traz muito mais preocupação aos candidatos do que as demais etapas, o motivo são as estações na prova prática de residência médica.

As estações na prova prática de residência médica são a maneira do candidato mostrar domínio prático sobre as grandes áreas da medicina.

Contudo, muitos candidatos têm dúvidas sobre como funcionam essas estações, dessa forma, continue lendo e descubra como funcionam as estações da prova prática de residência médica.

Quais são as estações da prova prática de residência médica?

A princípio, na maioria dos concursos de residência médica, a prova prática segue o mesmo padrão. 

Sendo assim, elas são formadas por cinco estações práticas em que o candidato deve participar, as estações são:

  • Clínica Médica;
  • Cirurgia;
  • Pediatria;
  • Medicina Preventiva;
  • Ginecologia e Obstetrícia.

Entretanto, o hospital pode optar por incluir outras estações interativas, dessa forma, é importante estar atento aos critérios da instituição que deseja prestar.

Leia também: Prova prática de Residência Médica, guia completo

Como os candidatos passam pelas estações?

Geralmente, é formado um grupo com 5 candidatos, e estes passarão pelas salas, entre as estações.

 E não há um tempo padrão entre as provas, de forma que algumas estações tem um tempo médio de cinco minutos, em contraste, outras podem chegar até dez minutos como tempo máximo. 

No momento em que o candidato estiver passando pelas estações, ele deve examiná-la e apresentar uma resposta.

É importante ressaltar que a resposta está relacionada ao tempo destinado para a estação, ou seja, quanto mais tempo disponível tiver, maior a complexidade da resposta.

O que é cobrado nas estações da prova prática de residência médica?

Ao passar por cada estação, o médico será apresentado a um caso clínico, os dados referentes a esses casos podem estar tanto presos a porta como na bancada de um consultório.

É importante que o médico tenha todo o cuidado ao ler a proposta da questão, assim como avaliar cuidadosamente o caso, isso porque costumam aparecer algumas pegadinhas no enunciado, que podem acabar confundindo o profissional se ele não estiver muito certo do seu diagnóstico. 

Em outros casos, pode ser que o candidato se depare com muitas questões consideradas inovadoras e criativas, mas no geral os temas são bastante recorrentes.

Não é necessário que o candidato se apavore, achando que será cobrado dele procedimentos complexos e difíceis de executar.

Visto que normalmente, é cobrado procedimentos básicos da profissão como biópsias, toracocentese, paracentese e sutura, entre muitos outros.

A prova prática de residência médica é bem mais simples do que os candidatos imagina, de forma que é cobrado deles:

  • Conhecimento teórico;
  • Habilidades práticas;
  • Contato médico-paciente.

Como são as estações?

Primeiramente, cada hospital é responsável pelas suas provas, sendo assim, os casos e formatos das estações podem variar de um hospital para outro.

De forma que em alguns hospitais as estações podem ter ator como paciente, outras podem ter um manequim, e tem aquelas que contam com a tecnologia para dar vida ao cenário.

Sendo assim, a seguir vamos exemplificar como as estações das provas práticas de residência médica podem acontecer.

Estação Clínica Médica

A estação de clínica médica pode ser formada da seguinte maneira:

  • 2 examinadores
  • 1 ator deitado em uma maca 
  • Uma mesa com o caso clínico 
  • Uma folha com os tempos sugeridos para a realização de duas tarefas

Logo ao chegar na estação, o candidato se depara com um paciente, podendo esse ser um ator ou um manequim, e dois examinadores.

O candidato deverá ler atentamente o caso clínico, que estará na mesa ou na parede do consultório, depois de ler o material, o médico deverá realizar duas tarefas, a primeira delas é o exame físico. 

Ao finalizar a leitura do caso, o médico deverá iniciar o atendimento e realizar a anamnese, seguida pelo exame físico. 

Caso o médico ache que é necessário pedir algum exame para o paciente, ele deve fazer isso.

Sendo assim, os examinadores irão apresentar os exames que o candidato solicitou, assim ele poderá fechar seu diagnóstico. 

Ao definir um diagnóstico, o médico deverá realizar a 2 tarefa, a prescrição de medicamentos.

De maneira que, para realizar a prescrição dos medicamentos, o candidato terá de levar em consideração o estado em que o paciente chegou ao hospital, de acordo com o prontuário, assim como o resultado do diagnóstico ao qual chegou.

Estação Cirurgia

A estação de cirurgia pode ser formada da seguinte maneira:

  • 1 examinador
  • Sem atores
  • Uma mesa com materiais de auxílio 
  • Uma folha com os tempos sugeridos para a realização de três tarefas

1-Analise o caso e em seguida escreva a conduta adequada para o paciente naquele momento;

2-Realizar o procedimento, (ex.: sutura), examine adequadamente o ferimento, para identificar possíveis corpos estranhos nele;

3- Averiguar o cartão de vacina do paciente, e depois apresentar as próximas orientações (ex.: retorno para retirada dos pontos);

Em cada uma das tarefas o candidato deverá responder algumas perguntas.

Estação Pediatria

Igualmente as demais, a estação de pediatria pode contar com a presença de um ator, um manequim ou com o apoio da tecnologia para simular o atendimento, como um computador e fones de ouvido.

Ao entrar na sala, o candidato irá se deparar com 2 examinadores, e uma folha com o tempo sugerido para realização de cada tarefa e o caso clínico.

Nessa estação, são dadas 4 tarefas, e elas podem ser:

1-Anamnese

2-Realizar a prescrição do paciente

3-Indicar a hipótese diagnóstica e o agente etiológico

4-Houve uma piora clínica da criança mesmo após tratamento adequado, qual seria o melhor proceder?

Em cada uma das tarefas o candidato deverá responder algumas perguntas.

Estação Medicina Preventiva

A estação de medicina preventiva pode ser formada da seguinte maneira:

  • 2 examinadores
  • 1 ator sentado em uma cadeira
  • Uma mesa com o caso clínico 
  • Uma folha com os tempos sugeridos para a realização de três tarefas

Nessa estação, são dadas 3 tarefas, e elas podem ser:

1-Apresentação e anamnese

Nela o candidato deverá colher as seguintes informações:

  • Questionar condições clínicas atuais 
  • Questionar uso atual de antibiótico ou outro medicamento
  • Questionar histórico vacinal da paciente
  • Questionar sobre o estado de saúde de cada contato domiciliar
  • Questionar sobre sintomas respiratórios de cada contato domiciliar
  • Questionar sobre situação vacinal de cada contato domiciliar

2-Escrever suas orientações para o paciente

Nessa etapa o médico deverá sugerir algumas orientações ao paciente, como medicamentos preventivos, vacinas.

3-Orientações gerais

O candidato deverá explicar os próximos passos para o paciente, podendo esses ser:

  • Informações da gravidade da doença em gestantes e crianças pequenas;
  • Principais formas de contágio da doença;
  • Informações sobre período de incubação, necessidade de isolamento e em quantos dias a paciente poderia retornar para as atividades escolares/trabalho após início da medicação;

Em cada uma das tarefas o candidato deverá responder algumas perguntas.

Estação Ginecologia e Obstetrícia

A estação de Ginecologia e Obstetrícia pode ser formada da seguinte maneira:

  • 2 examinadores
  • Pode ou não ter atores
  • Uma maca, ou mesa com materiais de apoio
  • Uma folha com os tempos sugeridos para a realização de quatro tarefas

Nela, o candidato pode se deparar com a propedêutica da gravidez, assim como alguma conduta final, que consiste em exames físicos para apresentar um diagnóstico e a conduta correta para o procedimento.

Igualmente, também podem aparecer casos relacionados a sala de parto e reanimação neonatal, orientações de dietas ou vacinas.

Depois de analisar o caso, o candidato deverá realizar 4 tarefas, essas poderão ser:

1-Solicitar os exames essenciais para a avaliação materno-fetal (em caso de gravidez);

2-Analisar os exames e o quadro da paciente;

3-Informar a hipótese diagnóstica;

4-O candidato receberá uma folha com a situação atual da paciente e qual o proceder a seguir;

Dicas para passar pelas estações da prova prática de residência médica

Conforme já sabemos, processo seletivo de residência médica traz uma onda de tensão para o candidato, sendo assim, toda ajuda é bem-vinda, certo?

Por isso, separamos algumas dicas que vão te ajudar na prova prática de residência médica.

→ Mantenha a comunicação: Durante o atendimento, vá falando para paciente e para o avaliador qual etapa ou método você irá realizar a seguir;
→ Pedir exames: É importante lembrar que você não só pode, como deve pedir exames quando achar necessário. 
→ Classificar a doença: Observe se a doença é de notificação compulsória ou se necessita de profilaxias, que devem ser comunicada às autoridades de saúde pública.
→ Observe o local ao seu redor: Muitas vezes você pode deixar passar alguma informação importante por deixar de analisar o cenário e se concentrar apenas no caso.
→ Tempo: Quanto menor o tempo, mais simples será o diagnóstico, e quanto mais tempo, maior será a complexidade. 
→ Questionários e prontuários: Atente-se também as perguntas ou documentos padronizados que talvez tenha que preencher, como atestado de óbito, por exemplo.
→ Diagnóstico: Preste atenção no caso para dar um diagnóstico correto, se você der uma resposta muito distante do que realmente era o caso, você perderá pontos.
→ Mas e a prática?: É possível que em alguma estação não seja necessário realizar nenhuma atividade prática. Então, se aparecer alguma questão meramente interpretativa, não entre em desespero!
→ Finalizando o caso: No final, você deverá explicar o tratamento para o paciente, e se houver alguma dúvida, pergunte a ele.

Todavia, é importante ressaltarmos que a prova prática de residência médica segue o mesmo padrão em todas as instituições, contudo, as questões e exigências em cada estação podem variar de acordo com a instituição. 

Sendo assim, pesquise bastante sobre o modelo de prova, tanto a objetiva quanto a prática, da instituição que deseja prestar, assim você não será pego de surpresa.

Posteriormente, se precisar de ajuda pode entrar em contato com a nossa equipe de especialistas, eles estão prontos para te ajudar.

Por fim, um forte abraço, até a próxima. 

Siga-nos nas redes sociais e receba sempre novidades e dicas super importantes: Facebook, Instagram, Youtube Twitter Linkedin

Conteúdos relevantes

Deixe um comentário

Dar nossa contribuição para a carreira médica é o melhor jeito de contribuir com a evolução da saúde no país. Junte-se a mais de 35 mil médicos e receba dicas e conteúdo exclusivo.

RECEBA GRÁTIS CONTEÚDOS EM SEU E-MAIL