banner desktop banner mobile

Depois da residência médica, o que fazer? – Fatos e Verdades #3

Depois da residência médica, o que fazer? – Fatos e Verdades #3

Vamos conversar sobre o que fazer depois da residência médica?

Nesse terceiro vídeo da série Médico Especialista, Fatos e Verdades, iremos falar sobre os caminhos que o médico especialista pode seguir após a residência médica.

Vamos juntos entender como funciona o mercado de trabalho e vamos te ajudar na decisão sobre o que fazer depois da residência médica!

 

Aperte o PLAY e saiba mais!

Se preferir, confira o conteúdo do vídeo aqui abaixo:

Seja bem-vindo a mais um conteúdo da série Medico Especialista. Fatos e Verdades.

Se a sua decisão é se tornar médico especialista, então você precisa acompanhar essa série que foi feita especialmente para você.

Nós sabemos que agora sua rotina é outra. São muitos plantões longos e exaustivos. Além de transito, gestão da sua vida financeira e claro, continuar sua rotina de estudos diária.

E assim como a maioria de quem faz medicina,  também sabemos que a residência médica é um grande sonho. E também uma necessidade para se diferenciar, se destacar e ter sucesso profissional. Pois nunca se viu tantos médicos sendo formados na história deste país.

E como vimos no último vídeo, nem tudo são flores na residência médica!

É importantíssimo você ter a clareza sobre as dificuldades dos médicos em busca da especialização. Sem falar das dificuldades enfrentadas durante os processos seletivos.

Mas dificilmente é dito sobre o que acontece depois que você termina a residência médica!

Parece que está tão longe né?

Mas você tem que começar a pensar já nisso agora. Porque seu futuro é construído aqui no presente, e suas escolhas de hoje é que vão definir como será sua vida amanhã.

O período pós residência médica pode chegar a assustar tanto quanto a própria residência médica. 

Mas por quê? 

Quando a gente pensa em futuro, é tudo meio assustador mesmo! Porque se criam expectativas, vem aquela ansiedade se vai dar certo ou não. Por isso é tão necessário montar um planejamento de carreira de curto, médio e longo prazo.

E a residência médica faz parte desse planejamento. Porque ela é mais do que apenas uma forma de ingressar no mercado. A residência médica é um marco da transição da vida acadêmica para o início da carreira.

O que geralmente acontece é que o médico se dedica tanto à aprovação da residência médica, que não pensa no que fará depois que a concluir. 

E quando percebem que terminaram a especialização, mas que não definiram antes qual caminho seguir, acaba aumentando a ansiedade.

E tudo bem, é totalmente normal!!!

Isso pode acontecer tanto com quem está começando a carreira agora, quanto para quem já tem um bom currículo como generalista. 

Então, se você também não sabe que rumo tomar depois de concluir sua residência médica, eu vou te contar agora os 4 caminhos que você pode seguir após receber o seu título de especialista!


o que fazer depois da residência médica


Os 4 caminhos após a residência médica

► CONCURSOS PÚBLICO

Os concursos públicos são uma ótima opção para muitos profissionais. 

Seja um médico recém-formados ou já experiente, a oportunidade de trabalhar em postos de saúde ou hospitais públicos, e seguir uma carreira pública é considerado por muitos um sonho.

Mas fique atento! Que para seguir esse caminho, é necessária muita dedicação aos estudos!

Afinal, você vai precisar prestar mais uma prova. Um novo processo seletivo!!! Essa é uma das exigências para atuar no setor público, e a concorrência é altíssima também.

 

► BUSCAR UMA SUB ESPECIALIZAÇÃO 

Durante a residência médica, você descobre que várias áreas se conectam à sua e pode acabar descobrindo um nicho para se especializar ainda mais. 

Você deve estar pensando, “mas por que fazer outra especialização?” 

Quanto mais especializações o médico tem, mais qualificado e resolutivo ele é!

Você pode por exemplo, fazer residência médica em cirurgia geral, e uma sub especialização em cirurgia vascular.

E olha atualmente existem tantas subáreas que COM CERTEZA você vai encontrar uma ou mais que se identifica.

E só para você ter ideia, hoje são mais de 55 especialidades reconhecidas pela AMB. Que se desdobram em quase 120 quando somadas as sub especialidades.

Em nichos que são como um terceiro nível de especialização, podemos chegar a quase 500 possibilidades de atuação de médicos especialistas. Um exemplo nicho são Cirurgiões Plásticos que só fazem implantes de mama ou só fazem aplicação de botox.

 

► ATUAR NO SETOR PRIVADO 

Mesmo que não garanta toda a estabilidade que o setor público traz, no setor privado tem um grande possibilidade de crescimento rápido.

Os profissionais que pensam em seguir esse caminho, podem atuar em consultórios particulares, hospitais privados, laboratórios, empresas de diagnósticos e muitas outras formas.

Mas para atuar no setor privado, em geral, o médico precisa realizar uma prova, e cada hospital é responsável pela sua própria avaliação.

 

► ABRIR SEU PRÓPRIO CONSULTÓRIO

Esse é o sonho de muitos médicos, e pela nossa experiência arriscaria que é o da grande maioria.

O consultório próprio ajudará você como uma forma de aumentar sua referência, além da sua especialidade, e isso conta muitos pontos para este caminho.

Sem falar que, ter um consultório próprio, vai fazer com que você se livre dos longos plantões e jornada dupla de trabalho. E A rotina e os horários podem ser mais tranquilos, dependendo da especialidade que você escolheu.

O legal é que você não precisa fazer isso sozinho. Você pode também abrir esse consultório em parceria com outros médicos. Assim vai dividir as despesas e se as duas especialidades se completarem, vocês podem dar ao paciente um tratamento mais completo em um único lugar.

 

No vídeo sobre a remuneração médica no Brasil, nós já falamos sobre isso, mas vale reforçar: NÃO SE PRENDA A GRANDES CIDADES!!! 

A má distribuição dos profissionais de medicina já é um assunto bem conhecido. 

Vemos cada vez mais médicos indo para grandes cidades e deixando as pequenas sem suporte. 

Com isso, os salários nas grandes cidades tendem a cair e a concorrência aumentar, enquanto o interior e cidades menores tem um gigantesco número de oportunidades! 

Os salários para cargos públicos nessas cidades, por exemplo, podem chegar até R$ 20 mil reais. 

Por isso falamos tanto, NÃO SE PRENDA A GRANDES CIDADES 

Você não sabe de onde pode vir a melhor oportunidade. 

Sabemos como é normal que ao final da residência, o médico tenha dúvidas sobre o que fazer 

Então, se você está assim, calma, isso é normal. 

Independente do caminho que escolher, uma coisa é certa, a residência médica te proporciona uma infinidade de novas oportunidades. 

Vou te dar uma dica bônus aqui, que faz até parte da nossa metodologia!

Quero que você pare um tempo e tente pensar em você lá no futuro!!! Visualize você atuando na sua especialidade e comece a imaginar ou fazer um check list mental. Como é esse lugar, em qual cidade é, como é o ambiente, as pessoas a sua volta, a sua rotina!!! 

A sua mente já planeja isso desde o momento que você iniciou sua escolha pela medicina e agora é hora de visualizar para tornar isso palpável! 

Fazer essa prática de visualização vai te ajudar até na definição de especialidade e hospital que vai prestar para a residência médica!!!

Então não deixe de fazer essa prática diária, beleza?

E se ainda assim tiver difícil, procure nossos especialistas e tire suas dúvidas!!! Só não dá pra você ficar ai sofrendo de tanta ansiedade!!!

Espero que esse conteúdo tenha te ajudado…e fique ligado que logo logo vem mais conteúdo sobre fatos e verdades da residência médica!!! 

Um forte abraço e até a próxima!!

 

Siga-nos nas redes sociais e receba sempre novidades e dicas super importantes: Facebook, Instagram, Youtube Twitter Linkedin

Conteúdos relevantes

Deixe um comentário

Dar nossa contribuição para a carreira médica é o melhor jeito de contribuir com a evolução da saúde no país. Junte-se a mais de 35 mil médicos e receba dicas e conteúdo exclusivo.

RECEBA GRÁTIS CONTEÚDOS EM SEU E-MAIL