banner desktop banner mobile

Dificuldades da Residência Médica – Fatos e Verdades #2

Dificuldades da Residência Médica – Fatos e Verdades #2
Tenha clareza sobre os desafios na residência médica.

Vamos falar sobre como superar os desafios na residência médica!

Preparados para mais um vídeo da Série Universo da Residência Médica?

Como sempre falamos, entrar na residência pode ser mais difícil que o próprio vestibular de medicina. Mas além dos processos seletivos, pode ser que você encontre dificuldades durante a residência médica.

Como em qualquer outra profissão existem obstáculos a serem superados. 

Por isso montamos esse artigo em vídeo para que você fique por dentro do que pode encontrar pelo caminho. E claro, dicas especiais para você conseguir superar cada dificuldade!

É só apertar o PLAY e conferir!

 

Se preferir, confira o conteúdo do vídeo aqui abaixo:

Como todos nós sabemos, a residência médica é o sonho da maioria das pessoas que escolhem a medicina como carreira. Pois é a residência que pode te proporcionar mais aprendizado prático para se especializar na área que mais se identificar, não é mesmo?

Mas mesmo assim, pode ser que você ainda não tenha encontrado o estímulo que precisa para tomar essa decisão.

E isso acontece, porque você já passou por todo aquele processo de vestibular, encarou pelo menos 6 anos de faculdade. Só que agora você precisa enfrentar mais uma fase importantíssima.

É claro que haverá inúmeros obstáculos pelo caminho, mas não é hora de se desmotivar! Existem muitos desafios na residência médica.

É o momento de encarar de frente mais esse desafio para conquistar seu objetivo, e que para muitos é um sonho, de ser um médico especialista e referência no assunto.

Nós precisamos falar sobre algumas das dificuldades que você poderá encontrar durante a residência médica. 

É importante que você tenha TOTAL CLAREZA do que está por vir, para se preparar 100% e superar qualquer dificuldade que encontrar pelo caminho.

Então vamos lá?! Conheça alguns desafios na residência médica!

Confira os 6 desafios na residência médica:

► Primeiro desafio:

O primeiro desafio, é claro, que é ingressar na residência médica! 

Logo de início, você enfrentará a dificuldade da alta concorrência durante os processos seletivos.

O concurso de residência médica é como se fosse um segundo vestibular, só que o número de candidatos por vaga chega a superar qualquer vestibular de medicina. 

Isso acontece pelo grande número de estudantes de medicina que se formam todos os anos. Em contraste com o baixo número de vagas de residência médica em nosso país. 

Resumindo, a concorrência é gigantesca!! E boa parte dos estudantes de medicina, antes mesmo de se formarem, já buscam cursos preparatórios para garantir que conseguirão alcançar a aprovação.

E você que ainda não começou ou que já tentou mais ainda não conseguiu, vai ter que se dedicar mais que isso. Ou então será difícil demais, já que a cada mais de 20 mil novos médicos são formados no Brasil.

Isso sem contar que o MEC e o Ministério da Educação já estão liberando algumas faculdades a dobrarem o número de vagas de medicina no próximo ano.

► Segundo desafio:

Um segundo desafio que você encontrará no caminho, é a rotina exaustiva dos primeiros anos de residência.

Esse é outro fator que precisamos citar quando apontamos as dificuldades da residência médica: a carga horária.

Um exemplo disso, são os longos plantões que podem chegar até a 24 horas, o que torna praticamente impossível que o médico atue em outra atividade fora da residência.

E mesmo existindo uma tentativa de regulamentação desta carga horária, esse excesso de horas acaba acontecendo prática.

Claro que não são todas as especialidades e hospitais que tem esse tipo de cenário. 

Sendo mais comum isso acontecer em especialidades cirúrgicas, principalmente voltadas para ortopedia, otorrino ou ginecologia e obstetrícia. Que acabam sendo as áreas mais exigentes no sentido do tempo e do desgaste físico e mental.

► Terceiro desafio:

Um terceiro desafio que você pode encontrar, é saber lidar com veteranos ou preceptores.

Durante a residência médica, existe uma prevalência de hierarquia, que pode afetar de forma negativa um novato que não esteja PSICOLOGICAMENTE preparado para lidar com certas situações. E isso pode começar a desencadear uma onda de estresse, desconforto e até desmotivação com a especialidade.

Não quer dizer que isso vai acontecer com você. Mas existem muitos casos assim e é bom começar a se informar antes, para entender como lidar com esta hierarquia.

 Mas que situações são essas?

Já é conhecido dentro e fora do universo médico, os casos de assédio moral e outros problemas desse tipo. Que inclusive já foram discutidos no Fórum de Integração do médico jovem.

Então, você precisará ter muita maturidade e determinação, buscar aprender com todas as situações, independentes se você acha que são boas ou não. E assim conquistar seu espaço e o respeito de todos.

► Quarto desafio:

O quarto desafio é o Conhecimento prático. 

Algumas instituições de graduação não trabalham tão bem cada uma das áreas da medicina na prática. E tem também o fator “do quanto você mesmo se empenhou nestas atividades durante sua formação”.

E como sabemos, não são todas as faculdades que dispõe de um hospital, o que prejudica o aprendizado prático do aluno.

Ou seja, ter uma certa experiência prática após a graduação, antes de entrar na residência médica, pode ser uma forma de estar um passo à frente de seus colegas que ainda estão terminando a faculdade.

► Quinto desafio:

O quinto desafio é uma das mais comuns, e se refere aos problemas financeiros.

A medicina é conhecida por ser uma área de remuneração excelente. Mas por outro lado, também é uma área de altos custos.

Geralmente durante a graduação você precisa investir uma certa grana em equipamentos, congressos, livros, cursos e instrumentos. Isso sem falar nos casos das instituições particulares com altas mensalidades.

E isso faz com que muitos médicos adiem o sonho da residência médica. E ai quando conseguem uma certa estabilidade financeira, voltam a sonhar em se tonar médico especialista.

Então é importante que você tenha essa noção. Pois as residências médicas disponibilizam uma bolsa fixa. E se você não estiver preparado para isso, esse obstáculo pode pesar mais do que imagina.

► Sexto desafio:

Um sexto desafio que você pode encontrar, é que a residência talvez não seja o que você espera. 

Toda profissão acaba tendo uma diferença entre teoria e prática, e com a medicina não seria diferente, certo?!  

Algumas áreas ou temas podem não parecer tão atraentes na prática como você achava que seria. Podendo gerar uma onda de frustração. Afinal, você se dedicou tanto para ser aprovado na residência e depois descobre que não gosta da sua área. Já pensou isso?

Mas para evitar que isso aconteça. é importante que você conheça A FUNDO a especialidade que deseja cursar, para que no final, não tenha supresas negativas com ela.

A ideia deste artigo não é te assustar ou te desmotivar. E sim, te preparar e clarear a sua mente para o caminho que você está prestes a seguir.


desafios na residência médica


Vamos dar um salto no tempo?

Vamos pular para daqui a alguns anos, quando você tiver acabado a residência.

E agora o que você vai fazer?

Essa é uma pergunta muito comum entre os médicos quando terminam a residência médica.

Ao final, muitos podem se encontrar em um dilema: descobrir qual caminho seguir depois que se especializar.

E isso acontece porque são várias as possibilidades após se tornar médico especialista. E faz parte dos desafios na residência médica.

Confere só algumas delas:

– Você pode atuar em clínicas ou hospitais, ou nos dois ao mesmo tempo.

– Se você causou uma boa impressão durante a residência, pode ser convidado para fazer parte de alguma equipe médica.

– Pode receber um convite ou convidar outro colega para dividir o consultório.

– Pode prestar um concurso público para ser um médico docente ou médico contratado.

Opção é o que não falta! Você só não pode ter medo de tentar!!!!

E não se esqueça de aproveitar networking que você vai conquistar durante a residência. Lá você vai estar em contato com profissionais renomados da sua área. E essa é uma ÓTIMA forma de criar vínculos e ter sua rede de relacionamento profissional.


3 DICAS BÔNUS 

PRIMEIRO:

Não se desligue das outras áreas. Mesmo tendo escolhido sua especialidade, é importante lembrar que manter a base do conhecimento médico poderá potencializar sua atuação na especialidade. E para isso alguns profissionais até incluem em sua rotina semanal alguns plantões e também dedicam parte do seu tempo como professores.

SEGUNDO:

Mantenha-se atualizado!

Não adianta se especializar e depois não ficar conectado com as novidades. 

Quanto mais atualizado na sua área você estiver, mais confiança você terá no atendimento a seus pacientes. Sem contar que quanto mais especializado, melhor pode ser sua efetividade e maior pode ser a sua remuneração. E também fica mais a chance de se tornar referência no assunto.

TERCEIRO:

Tenha paciência e calma.

Sabe os profissionais renomados que te falamos agora pouco? Nenhum deles chegaram onde estão da noite para o dia!

É preciso ter um pouco de paciência e persistência….pois a carreira médica precisa mesmo de TEMPO, MUITO ESTUDO E DEDICAÇÃO!!!

Não tenha dúvida que, SIM.. VOCÊ VAI ALCANÇAR O SUCESSO! Combinado?!

E lembre-se também que nós do Medcoach estamos aqui para ter ajudar em todo esse processo.

Temos uma equipe de treinadores especialistas em performance para carreira médica, para te ajudar a superar desafios comportamentais e de performance de estudos.

Ou seja, temos o que você precisa para ter CLAREZA, AUTOCONFIANÇA E PREPARO TÉCNICO E PSICOLÓGICO para encarar o caminho que você está prestes a seguir!!!

Esperamos que você tenha entendido que o seu sonho é possível, e que mesmo diante das dificuldades que existem, você acredite nele, e se necessário peça ajuda.

Não deixe os desafios na residência médica serem sabotadores do seu sonho!

Logo vem mais conteúdo sobre o Universo da residência médica!! 

Te vejo no próximo vídeo e até lá!!!

Siga-nos nas redes sociais e receba sempre novidades e dicas super importantes: Facebook, Instagram, Youtube

Conteúdos relevantes

Deixe um comentário

Dar nossa contribuição para a carreira médica é o melhor jeito de contribuir com a evolução da saúde no país. Junte-se a mais de 35 mil médicos e receba dicas e conteúdo exclusivo.

RECEBA GRÁTIS CONTEÚDOS EM SEU E-MAIL